• Fogtec Ambiental

DE ONDE VÊM OS RESÍDUOS SÓLIDOS DOS SERVIÇOS DE SAÚDE?

Você já ouviu falar sobre os Resíduos Sólidos dos Serviços de Saúde (RSS)? Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), RSS são todos os restos gerados em estabelecimentos de saúde, centros de pesquisa e laboratórios.





Os RSS apresentam um perfil diversificado e heterogêneo de resíduos e sua classificação vem sofrendo um processo de evolução contínuo, na medida em que são introduzidos novos tipos de resíduos nas unidades de saúde. Esses resíduos são parte importante do total de resíduos sólidos urbanos, não necessariamente pela quantidade gerada, mínima em relação à quantidade gerada de outros resíduos sólidos, mas pelo potencial de risco que representam à saúde e ao meio ambiente (ANVISA, 2006).


Para que não haja dúvidas, elaboramos uma lista dos principais RSS, que está de acordo com a RDC ANVISA 306 de 2004 e com a Resolução CONAMA nº 358 de 2005.


Grupo A: engloba os componentes com possível presença de agentes biológicos que, por suas características de maior virulência ou concentração, podem apresentar risco de infecção. Exemplos: placas e lâminas de laboratório, carcaças, peças anatômicas (membros), tecidos, bolsas transfusionais contendo sangue, dentre outras.


Grupo B: contém substâncias químicas que podem apresentar risco à saúde pública ou ao meio ambiente, dependendo de suas características de inflamabilidade, corrosividade, reatividade e toxicidade. Exemplos: medicamentos apreendidos, reagentes de laboratório, resíduos contendo metais pesados, dentre outros.


Grupo C: quaisquer materiais resultantes de atividades humanas que contenham radionuclídeos em quantidades superiores aos limites de eliminação especificados nas normas da Comissão Nacional de Energia Nuclear – CNEN. Exemplos: serviços de medicina nuclear e radioterapia etc.


Grupo D: não apresentam riscos biológico, químico ou radiológico à saúde ou ao meio ambiente, podendo ser equiparados aos resíduos domiciliares. Exemplos: sobras de alimentos e do preparo de alimentos, resíduos das áreas administrativas etc.


Grupo E: materiais perfurocortantes ou escarificantes. Exemplos: lâminas de barbear, agulhas, ampolas de vidro, pontas diamantadas, lâminas de bisturi, lancetas, espátulas e outros similares.


Em decorrência da Pandemia de COVID-19, o volume de Resíduos de Serviços de Saúde (RSS) tem sido alarmante em todo o mundo e isso é visível aqui no estado do Espírito Santo. Devido ao seu potencial infectante, apenas uma empresa especialista, isto é, com equipamentos e profissionais treinados, pode realizar o correto manuseio, acondicionamento e transporte.


A FOGTEC conta com toda a estrutura exigida, conforme normas técnicas vigentes para fazer a gestão desse tipo de resíduo, desde a coleta e transporte e, posteriormente a destinação correta.

VEJA O MAPA

ENDEREÇO

R. Manoel Freire Corrêa, 584 - Santa Barbara, Cariacica - ES, 29145-210

CONTATO

Atendimento ao cliente : (27) 3344-5344

E-mail: contato@fogtecambiental.com.br
Whatsapp: (27) 99781-3851

Copyright © 2020 FogTec Ambiental Todos os direitos reservados.